segunda-feira, 7 de junho de 2010

O Getsêmani, lugar da prensa


Introdução
O que é uma prensa? Objeto formado de duas hastes para prensar, esmagar, comprimir, moer, principalmente azeitonas na fabricação do azeite. Getsêmani significa "lagar de azeite", era um jardim com muitas oliveiras. Para se extrair o melhor azeite, o extra virgem, as azeitonas são prensadas a frio, então, muitos chamam este lugar, de lugar da prensagem, uma referência a agonia de Jesus. Se olharmos para Isaias 53;5-7, lemos que é exatamente o que está para acontecer com o Senhor Jesus. Neste texto de Mateus, está para acontecer o que Isaías já contempla em seu livro, Ele foi moído pelas nossas transgreções. Olhando para o texto já citado de Isaías, podemos entender o lado humano de Jesus, seu temor, sua agonia e, sobretudo seu amor doador.
Muito além da angústia por você
Esta é uma das poucas passagens sobre Jesus que é narrada pelos quatro Evangelhos, e as descrições deixam claro o sacrifício grandioso de Cristo. Em Mt 26:37 fala do lugar onde Jesus entristeceu-se e angustiou-se, por algumas vezes, Jesus falou para os discípulos a forma como morreria, mas agora, estava a poucas horas de acontecer, parecia pressentir que o povo que o aclamava em sua entrada em Jerusalém, Mt 21, seria o mesmo que uma semana depois, estaria gritando crucifica-o, são as mesmas pessoas, pelas quais Ele morreria. Sentia pavor e angustia, diz Marcos 14:33. Era o mesmo Jesus que em momento de exaltação do povo, quando de sua entrada em Jerusalém, talvez, exaltação esta, motivada pela ressurreição de Lázaro Jo 11:1-46, Jesus chorou, por ver a atitude do coração de cada pessoa, pois quando vêem, acreditam. Ou pelo menos vão à procura. Porém, sem sinceridade.
O lugar da oração não respondida
Getsêmani é o lugar da oração não respondida, “passa de mim este cálice” Mc 14: 36 podemos dizer em uma colocação para nossas vidas que é o lugar certo como motivações erradas, lugar em que o coração do homem é colocado à prova, lugar onde o medo humano quer falar mais alto, medo da reação da família, da sociedade, medo de ser visto como fanático, isto emperra as ações que favoreçam a vontade de Deus, as vezes, são motivações certas, porém, em lugares errados, em que Deus, não pode ouvir. Pois está além de sentimentos religiosos. Que sentimentos movem o seu coração?
Quantos buscam a Deus por uma resposta para seu sofrimento
Getsêmani é o lugar do Cálice do sofrimento não removido, “Por que para mim tenho por certo que os sofrimentos do tempo presente não podem ser comparados com a glória a ser revelada em nós”. Rm 8:18 “Na esperança de que a própria criação será redimida do cativeiro da corrupção, para a liberdade da glória dos filhos de Deus”. Rm 8:21. Analisando as palavras de Jesus, só podemos imaginar o lado humano Dele em ação, contudo, Deus o fez cem por cento Deus, ao ver, depois de horas de oração, que sua vontade e a de Deus Pai convergiam, então precisava decidir, seguir a vontade do Pai. No entanto, em nosso caso, o apóstolo Paulo parece explicar bem o que acontece, primeiro fala de algo que transpõe nossos sofrimentos, ser participantes dos sofrimentos de Cristo para participarmos de sua glória. 2 Cor.4:17, em termos mais profundos, expressa a transformação e enobrecimento pelo qual passa cada crente com a manifestação de Deus em sua vida, e que através desta manifestação a criação será liberta de suas imperfeições, com isto, virá a regeneração de todas as coisas,MT 19:28; At 3:21;AP 21:1. A libertação em glória a ser desfrutada por todos aqueles que recebem a Cristo com Senhor e SALVADOR. Deus não quer apenas nos livrar dos sofrimentos físicos, e sim, nos renovar espiritualmente.
Conclusão
Para chegar ao Getsêmani, Jesus passou pelo vale de cedrom, “Escuro”, Jo 18:1, neste vale se lançavam ídolos e outras impurezas, 2 Reis 23:4,6,12; 2 Crônicas 29:16. Em nossa caminhada para o Getsêmani, que também é um encontro em sinceridade com Deus, onde colocamos diante Dele nossas fraquezas, devemos passar pelo vale de cedrom, e lançar fora nossos ídolos, e ideologias, somente assim seremos capazes de orar de acordo com a vontade do Pai, e se assim o fizermos seremos atendidos. Pois, “E esta é a confiança que temos para com Ele, que, se pedirmos alguma coisa segundo a sua vontade, Ele nos ouve. E, se sabemos que Ele nos ouve quanto ao que lhe pedimos, estamos certos de que obtemos os pedidos que lhe temos feito”. I Jo 5:14,15.

Reações:

1 comentários:

Josué Barbosa disse...

Olá, sou o Pr Josué Barbosa, autor do texto. Obrigado por postá-lo em seu blog e divulgar a palavra de Deus. Nos SITES "Ultimato e Recanto das letras existem outros, pode divulgá-los. e também no meu blog "prbarbosa12-uol" siga-me no twitter. Deus abençoe.